Buscar
  • Sá Souza

Dê valor e receba valor!

Dê valor e receba valor!


Que tipo de referência eu vou ser pra minha filha se eu não consigo me valorizar?


Ela me ensinou a falar “não” para quem não é compatível com meu valor de entrega da maneira mais amorosa, respeitosa e cheia de compaixão.


Sabe por que?


Porque ficar longe dela vale muito! Ela é a maior prova de amor e entrega que o Universo já me proporcionou.


E não tem problema você não ser mãe ou pai, existe algo que você ame mais do que qualquer outra coisa, mais do que o seu trabalho. E precisa valer a pena ficar longe.


A vida passa tão rápido, vale mesmo a pena você negar seu valor pra pagar contas? É isso que você é no fim do mês? Você é muito mais do que isso, você é único no mundo, e o mundo precisa de você. Eu preciso de você.

Só que Precisamos de você na sua verdadeira essência e entrega, e não na sua frequência de “obrigação”. Entenda seu valor, respeite seu valor, acolha seu valor.


Quem somos nós para justificar o valor de entrega do outro? Esse entrega vem com história, comamos, com dores, com cicatrizes... quem somos nós para justificar ou julgar a dor do outro?


Nenhuma dor é melhor ou pior que a sua. Assim sendo, todo valor é justificável. Ele pode não estar alinhado com o seu momento, mas ele é justificável.


Eu não quero que daqui alguns anos minha filha esteja passando por momentos como os que eu passei. Por isso agora eu curo minhas dores e me valorizo.


Deixa aquele amigo ou amiga saber o quão valiosa é a entrega dela em serviço ou produto. O mundo é abundante... tem pra você tem pra mim.


Seu engajamento, é importante e muito apreciado para que o meu trabalho continue.

(Curtiu? Comentou? Compartilhou?)

Volte Sempre que sentir...


da Alma... Sá


7 visualizações

©2020 Todos os Direitos Reservados a Sá Souza

  • Preto Ícone Spotify
  • Preto Ícone YouTube
  • Preto Ícone WhatsApp